Subversa

Editorial Vol. 8 | n.° 4 | março de 2018


“por uma pequena brecha no muro, cai um raio de luz no gabinete do alquimista e faz relampejar cristais, esferas e triângulos”

Walter Benjamin, Rua de Mão Única, 1987.

 

clique para assinar

A arte acontece num momento de clareza entre a paixão mais íntima e a silhueta de todos os materiais à disposição. Promover um espaço de ligação da paixão de dentro com a forma apaixonada de ver o mundo é uma ação de confiança, e confiar é a atitude de resistência de toda a manifestação artística. Procurar a forma da arte nas coisas, nos objetos comuns do cotidiano, não é apenas bonito; é uma maneira de vê-los em seu potencial máximo e reafirmar repetidamente que para tudo há esta chance. No humano, sobretudo, o ato artístico é uma reabertura de espaço para esta possibilidade e cada ato de arte é esta comprovação, passível de ser repetida quantas vezes for preciso. Logo, para sempre.

Esta revista acontece e continua só por causa disso, desta espécie de reconciliação entre uma realidade fragmentada e a união de seus elementos numa forma específica. Poetas de tantos lugares reúnem seus versos para que eles acabem e comecem aqui. A Subversa é, neste momento, um ato de paz. Enquanto for necessária, estará presente.

Não temos apenas a agradecer, mas a confirmar que a poesia realmente acontece quando a atitude do ser humano no mundo é total.

Desejamos a todos uma boa leitura.

 

As editoras.


Clique nos textos para ler:

Nebulosa n.° 6 | Clarissa Comin

Eduard Traste | Vastidão Azul

Fábio Amaro | Blue Moon

Instruções de Uso | Francieli Borges

Gabriel Gonzalez | Deselogio

O Trapezista | James J. D. Duško

Jean Felipe Assis | A despeito daquela tese: Conservação, Restauração e Reconhecimento

Maria Martins Torres | O quadro da esperança

Osvaldo Duarte | À sombra do escondido

Sat Am | Carnívoro

Sobre o Autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão sinalizados *

Entre em Contato

contato.subversa@gmail.com
Brasil: (+21) 98116 9177
Portugal: (+351) 91861 8367