Subversa

O feitiço contra a feiticeira | Sonia Rodrigues (Santos, SP, Brasil)

Postal de autor e local desconhecidos.

Ao folhear um livro de magia Wicca, resolvi enfeitiçar uma colher de pau; uma de cabo longo, ótima para fazer doces e compotas.

Decorei as palavras rituais e, em uma noite de lua cheia, passei a colher nove vezes pelo fogo, sete vezes pela água, soprei-a cinco vezes e com ela atirei três punhados de sal marinho por cima do ombro esquerdo.

Testei a colher diversas vezes – fiz doces de abóbora, de leite, de cenoura, de batata roxa. Todos deliciosos.

Em um dia propício, segundo a astróloga, a taróloga e a numeróloga, convidei a vítima para jantar. O ‘espelho, espelho meu’ refletia um lar perfeito. O corvo empoleirado em meu ombro recitava Poe. Armei o cenário para a captura com flores, velas, fitas e aromas recomendados pelo Feng-Shui. Restava seguir o conselho da vovó: homem se agarra pelo estômago.

Vai daí que não encontrei minha colher de bruxa em lugar algum!

Então reparei em umas letrinhas minúsculas aos pés do encantamento: ‘a colher de pau torna-se invisível quando seu uso possa resultar em algum malefício…’

 


SONIA REGINA ROCHA RODRIGUES é escritora e médica.  É autora dos livros de contos “Dias de Verão”, (1998), É suave a noite (2014), Coisas de médicos, poetas, doidos e afins (2014)
http://soniareginarocharodrigues.blogspot.com.br/

Sobre o Autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão sinalizados *

Entre em Contato

contato.subversa@gmail.com
Brasil: (+21) 98116 9177
Portugal: (+351) 91861 8367