Subversa

O quadro da esperança | Maria João Torres (Peso da Régua, Portugal)


Observo um quadro negro

Revejo-me nele
Pois é assim que me encontro
Sem ínfima luz

Procuro aproximar-me
Ver de perto
Saber o porquê
De existir um quadro negro
Numa exposição que reflete cor

À medida que me aproximo
O meu coração
Bate forte
Sinto calafrios

Algo me diz que aquele quadro
Não está ali por mero acaso

Assim que chego perto
Reparo que o negro
Tinha sido pintado com palavras
Que se amontoavam

Solidão
Tristeza
Inimizade
Egoísmo
Incerteza
Traição
Ódio
Vingança
Pobreza
Maldade

E que apenas remanescia
Um espaço

Um espaço em branco
Que ao longe era imperceptível
Mas que ali
Delimitava bem a palavra
ESPERANÇA

Senti que afinal
Aquele quadro negro
Era o quadro que mais cor continha


MARIA JOÃO TORRES | Mestre em Design e Marketing pela Universidade do Minho. Publicou o seu primeiro livro “Crescer com histórias” em 2016 e  um conto infanto-juvenil “A libertação das letras” pela Editora Litere-se, em 2017. É colaboradora da Revista “Aspas Duplas” e tem participado em vários concursos literários. O seu poema “A incerteza” integrou o VIII volume da Antologia de Poesia Portuguesa Contemporânea: “Entre o sono e o sonho” da Chiado Editora, 2017.

 

Sobre o Autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão sinalizados *

Entre em Contato

contato.subversa@gmail.com
Brasil: (+21) 98116 9177
Portugal: (+351) 91861 8367