Subversa

Cantiga | Max Lima (Rio de Janeiro, RJ, Brasil)

Fotografia | Gabriel Costa Ijuí


Minha rua é um rio

Que escorre dura

Feito memória

Minha rua é história

De concreta carnadura

A bater na armadura

De uma ostra de gordura

Com toda força e alguma glória

Até que a fura.

 

Se essa rua minha fosse

Eu mandava ladrilhar

Com pedras do esquecimento

E as plantava no cimento

Como pedras de um colar

Encerrando-as com o moldar

Do meu eterno firmamento


MAX LIMA (1992) estudou Letras na Universidade do Rio de Janeiro, onde desenvolveu pesquisas em Melopoética e Literatura Brasileira sob a orientação de professores da instituição. Tem poemas e artigos publicados em antologias e revistas e foi vencedor de alguns concursos literários nacionais. Além de poeta, é também músico e contista.

Sobre o Autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão sinalizados *

Entre em Contato

contato.subversa@gmail.com
Brasil: (+21) 98116 9177
Portugal: (+351) 91861 8367