Subversa

Editorial Vol. 5 | n.º 2 | agosto de 2016

“Não é a beleza, mas sim a humanidade o objetivo da literatura”

Salamah Mussa

CAPAA discussão sobre a função da arte está sempre presente na sociedade, ainda que de maneira não aparente aos olhos de todos. Eventualmente, diante de espetáculos mundiais, como na abertura dos Jogos Olímpicos, a questão se torna objetivamente visível. A partir de um uso mais específico, é impossível negar que precisamos e dependemos das manifestações artísticas mais do que imaginamos.

De maneira geral, podemos dizer que a função artística vai além de tornar a vida mais bela e dar alguns minutos de distração diante das mazelas humanas. É função da arte também a de criticar, de fazer o sujeito e as sociedades pensarem o contexto no qual estão inseridos. Ter os olhos abertos para arte é também ter os olhos abertos para si mesmo, para a própria cultura que se constrói, afirma e homenageia.

É sempre mais fácil enxergar o mal-estar alheio; ele nos previne de ver o mal-estar mais íntimo individual e cultural. Todos, eventualmente, passam por situações difíceis e a arte pode servir como a luz na escuridão. São momentos em que paira no ar a célebre pergunta de Sá de Miranda: “Que farei quando tudo arde?”

Algumas chances de resposta, talvez, possam ser encontradas algures nas páginas que seguem, com a ilustração de Andréa Martau.

Desejamos uma boa leitura a todos.

As editoras

ANA GABRIELA REBELO| XIXI SENTADO_CONTOS DE VERÃO

ANAEL SANTALUCIA | BICHOS DE LUZ

DANIEL TOMAZ WASHOWICZ| COSMOGONIA

EBER S. CHAVES | HOMEM-MACACO

FERNANDO CANHOS | NOME

LIGIA S. IKEDA | IMPASSE

MANDU HOLANDA | QUERER

NITIREN QUEIROZ | VERBO VÍRUS

RAFAEL SIMEÃO | O MELHOR SEXO DAS NOSSAS VIDAS

SÉRGIO SANTOS | GLÓRIA

 

Marcado com:

Sobre o Autor

1 Comentário

  1. Sylvio A Santos F° 25 de agosto de 2016 em 16:39

    Parabéns aos construtores de novas janelas, onde podemos despontar outros caminhos.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão sinalizados *

Entre em Contato

contato.subversa@gmail.com
Brasil: (+21) 98116 9177
Portugal: (+351) 91861 8367